Chandrayaan-2 missão indiana rumo à Lua

2019 vem sendo um ano interessante para a astronáutica mundial, pois temos programado algumas missões de alguns países para exploração espacial. Entre elas uma chamou bastante atenção por esses dias, trata-se da Chandryaan-2, um dos primeiros passos da Índia, em direção ao seu programa de exploração lunar.

Onze anos após o lançamento do Chandrayaan-1, onde um foguete igual pôs uma sonda em órbita da lua para mapeamento da região sul do satélite, preparando o terreno para missões futuras. Depois de um atarso no lançamento do foguete, que seria no início do ano, finalmente com os reparos e às condições favoráveis, o foguete foi lançado no último dia 22 de julho. A Índia agora entra num seleto grupo de países que exploraram diretamente nosso satélite natural, sendo os outros a China, Rússia, EUA e Japão.

A segunda parte da missão neste ano, fará um pouso na superfície da região sul da Lua, onde um rover automatizado (Pagryan) irá explorar a superfície, mas com duração de apenas 15 dias de vida. O rover executará testes e fará medidas geológicas e astronômicas na Lua, tais como: precisão no movimento de libração da Lua, medir tremores, calcular com maior precisão a distância terra-Lua (polo sul), entre outros.

Em breve traremos mais notícias sobre essa e outras missões de exploração espacial.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *